Últimas indefectivações

quinta-feira, 17 de maio de 2018

Eu, Bruno, eu!

"Ignóbil violência - no balneário, 'coração' de equipa!!! Clareza: há quem não pode ficar na sombra...

Sismo! Com elevadíssimo grau e brutal erupção vulcânica jorrando lava sobre enorme Instituição do Desporto português. Devastadoramente terrível, ignóbil violência, o que se passou na Academia de Alcochete - com a extrema agravante de ter sido possível (!!!) acontecer tão no interior de amplas instalações que atingiu o coração de qualquer equipa: o seu balenário! - tem directíssimas culpados e também, haja clareza, outros responsáveis que, face aos antecedentes, não podem ficar na sombra. Não podem! Estamos perante factos, provadíssimos, impossíveis de camuflar, descambando no horrível!
Logo no dia seguinte, sismo agravado no mundo sportinguista: 4 detidos, incluindo braço direito do presidente, sob a forte suspeita de corrupção em jogos de andebol e de futebol. Aguarde-se o que a Justiça terá a dizer.

Nunca antes visto: jogadores e treinadores violentamente agredidos num balneário! Apogeu de limites ultrapassados!
Mais do que visto: sinais, ou certezas, de corrupção galopante no vale tudo para ganhar. Do Apito Dourado, fundamentalmente portista, a este caso sportinguista, passando pelos dos e-mails benfiquistas, todos os nossos três maiores clubes são angélicos, incapazes de tão vis acções. Atiram pedregulhos uns aos outros, mas juntam-se à mesma esquina, tocando concertina.


«Foi chato»... Eis quem é - ou o estado a que chegou - e presidente do Sporting. Degradante, a súmula do que teve a dizer sobre o caos de violência devastando plantel e treinadores. Primeiro, criticou o secretário de Estado! E chegou à síntese: «Foi chato, mas amanhã é outro dia». Isto é de presidente?!!!! Niquinho que fosse de responsabilidade dele? Qual quê!
E agora, atingindo o auge da desestabilização, do descontrolo, para não falar da maluquice que BdC, escassos dias antes, afirmara necessária para ter sucesso? Os sócios do Sporting, que duas vezes o elegeram por esmagadora maioria, dirão.
Os mais recentes dados sobre o perfil psicológico de BdC, ou o estado a que chegou, são estes:
- Queixa-se do mundo, e ataca-o, mas foi quem, ferozmente, se atirou a ex-presidentes, de Roquette a Godinho Lopes, passando por Dias da Cunha e Bettencourt.
- Em Fevereiro, Sporting taco a taco com o FC Porto pelo 1.º lugar, forçou AG para mudar Estatutos e criar Regulamento Disciplinar contra sócios discordantes (não podia esperar pelo fim da época...). Ampliando fissuras até crateras, divulgou lista de 50 sócios, renegando-os como sportingados!
- Cúmulo: público ataque aos jogadores. Como estes reagiram, «estes todos suspensos». Teve de ser Jorge Jesus a elevar-se a estadista, evitando que o Sporting alinhasse com a equipa B! E, aó, JJ assinou a sua condenação: BdC nunca lhe perdoaria ter ficado ao lado dos jogadores. Presidente incapaz de perceber que um líder tem de defender a sua equipa... líder não é!
- Saíndo BdC do Facebook, aí surgiu o seu pai. Com sibilino ataque ao treinador! Se este ainda tivesse dúvidas...
- Jogo no Funchal, decisivo para o 2.º lugar. Que fez o presidente? Na véspera, em longa entrevista, voltou a malhar nos jogadores e, claramente, acrescentou-lhes o treinador. Guerra total e sou eu o dono disto tudo. Não foi ao jogo decisivo!
- No dia seguinte, convocou reuniões com equipa técnica (informando de rescisão dos contratos) e com o plantel (todos saíram macambúzios). A dias da final da Taça, mas isso que tem?! À saída, na janela do carro: perda de 20 milhões, «que já estavam contabilizados». Como, se o Sporting, para entrar na fase de grupos, teria (como o Benfica terá) de passar por dois adversários e quatro jogos?!
- Pelo meio, guerra aberta com o plantel, vincadamente com Patrício e William ( se ficarem, deixarão de ser capitães) e, diz-se, estando outro prioritário alvo em... Bas Dost.
- Ele há coincidências... Ia começar Sporting - Benfica, tochas atiradas por claque sportinguista para a baliza de... Rui Patrício! (este evitaria a derrota do Sporting; e, no Funchal, não foi a sua fífia - única desde há largos anos - que, ao cair do pano, decidiu o 2.º lugar; empate daria o mesmo). No regresso do Funchal, adeptos quiseram agredir... quem?; Patrício e William. Conseguindo entrar no parque para jogadores... Daí para a violência consumada no balneário da Academia!
Quem semeou vendavais? Por regra, claques tornam-se braço armado de dirigentes que as utilizam quando entendem necessário, amiúde até dentro do próprio clube.
BdC e os dirigentes que não o controlam demitem-se? Obviamente, não! Fuga para a frente: pedido de outra AG. Têm a palavra o presidente da AG e os sócios."

Santos Neves, in A Bola

PS: O objectivo da campanha anti-Benfica foi conseguido, este cronista e muitos outros, nestes últimos dias metem os e-mails, no mesmo saco do Apito Dourado e das actuais Mãos Sujas!!! O facto, de nos e-mails, não existir um único indício de crime desportivo, nenhum indício de suborno de árbitros ou jogadores, coacção ou algo similar, é indiferente para esta gente... vai tudo para o mesmo saco!!!

Sem comentários:

Publicar um comentário

A opinião de um glorioso indefectível é sempre muito bem vinda.
Junte a sua voz à nossa. Pelo Benfica! Sempre!