Últimas indefectivações

sábado, 1 de outubro de 2022

Terceiro Anel: Top 10...

Dificuldades naturais!

10/10


"Com esta qualidade de mergulho, a expulsão é justíssima. Artur Soares Dias muito bem a premiar a qualidade de um dos mergulhos do ano."


PS: Realço, o arrastar o pé esquerdo na relva, com o bico da bota, antes do potencial contacto...

Pepe e Uribe nos titulares. Otávio no banco


"O Departamento Médico do FCPorto devia passar a ser obrigado a trabalhar no SNS.
Acabavam-se logo as listas de espera!! 😏
#41anosdisto #Ligadafarsa #amarelinha"


Lesão de Otávio: em que ficamos?


"Aí estão as primeiras notícias sobre a guerra que estalou entre o treinador e o médico do FC Porto.
Sérgio Conceição responsabiliza Nélson Puga pela trapalhada em relação à situação clínica de Otávio. Primeiro, eram duas costelas fraturadas e uma ausência dos relvados por um período, no mínimo, de cinco semanas. Depois, rapidamente o problema passou a ser menos específico e, portanto, com melhores condições para “ludibriar” os mais curiosos: “Lesão na grelha costal”. Por fim, com total surpresa, Otávio até já tinha condições para defrontar o Brugges, seis dias após ter saído de maca e colar cervical no Wanda Metropolitano. Conclusão: Otávio jogou mesmo frente aos belgas durante 60 minutos e, na realidade, hoje já ninguém sabe ao certo o que se passa com o jogador. Há comentadores de referência a garantir, inclusivamente, que, depois do jogo frente ao Brugges, Otávio passou a noite num hospital do Porto e que, para sair, teve de assinar um termo de responsabilidade por lhe ter sido detetado… um pneumotórax. A única certeza, em tudo isto, é que Sérgio Conceição e Nélson Puga estão em rota de colisão e que o médico já não se sentou no banco de suplentes no jogo do Estoril.
Está o caldo entornado."

Agradecimento...


"Esta Publicação Não É Sobre Futebol, É Para Vos Agradecer...
... a todos, sem exceção, do fundo do coração, os milhares de mensagens que recebi de forte apoio, de enorme incentivo, de profunda solidariedade benfiquista e humana para comigo.
Do facebook ao messenger, do instagram ao whatsapp, nos comentários ou em mensagens privadas - e recebi-as também, e muitas, de grandes figuras do futebol português -, quero pedir desculpa por não ter conseguido responder a todos vocês individualmente como tanto gostaria de ter feito. Deixo a fechar a mensagem de ontem do Mauro Xavier, dita na CMTV, e através dela transmitir a todos os que consideraram o episódio tão vergonhoso como o Mauro:
Muito Obrigado!
Carrega Benfica!!!"

30 de Setembro


sexta-feira, 30 de setembro de 2022

Antevisão...

Visão: Pressing...

Outubro de todas as decisões | SL Benfica


"7 Jogos, Quase Todos Eles Decisivos Para As Águias

Outubro foi de assombrações para Jorge Jesus em 2021-22: foi a dia três que começou a derrocada do SL Benfica, naquela derrota na Luz frente a um Portimonense às cavalitas dum inspiradíssimo Samuel Portugal, o responsável pelo término da sequência de… sete vitórias consecutivas. Roger Schmidt chega agora ao mesmíssimo momento, com as circunstâncias a serem idênticas também na Europa: se no ano passado se afigurava o duplo confronto frente ao colosso do grupo, Bayern – que deu um 2-9 agregado para os bávaros… -, este ano a dose dupla é com o PSG, que todos esperam ser diferente. Até porque há bem mais futebol e, pelo menos, um onze mais forte.
Se Jesus ficou assombrado com o Outubro e cedeu às maldições em Dezembro, Roger Schmidt tem outra motivação para continuar a perfeita sequência que tem conquistado: igualar o recorde de Sven Goran Eriksson, o tal das 15 vitórias consecutivas – para isso, tem obrigatoriamente que ganhar no dia 1, no castelo de Guimarães – a um Vitória periclitante – e ao PSG em casa, no dia 5.
Entre esse primeiro confronto com Mbappé, Neymar e Messi e o de volta, dia 11 em Paris, há a recepção ao Rio Ave do perspicaz Luís Freire, o que impede grandes intenções de gerir a equipa e dar minutinhos aos mais descansados. Portanto, até essa pausa para Taça de Portugal, que a 3.ª eliminatória jogar-se-á nesse fim de semana de 15/16, é tudo seguido – dia 1, 5, 8, 11. E tudo a puxar ao máximo pela equipa, como será o outro sprint na segunda metade do mês: e por isso a importância vital desta eliminatória da Taça, que será benesse se jogada frente a conjunto de escalão inferior.
É que lá está, sexta-feira, dia 21, inicia-se outra diabólica procissão por esses relvados fora com a visita ao Estádio do Dragão, onde se espera um duelo de susto pelo topo da tabela (difícil perceber com que nível lá chegará o FC Porto, dependente do jogo com o SC Braga). Quatro dias depois, o verdadeiro match-point encarnado na Liga milionária – a recepção à Juventus, no dia 25, que talvez já seja uma outra, sem Allegri ou tantos intérpretes na enfermaria.
O mês termina a 31 com o Halloween e o Benfica pode comparecer às celebrações, já que joga a 29 com o Chaves de Vítor Campelos na Luz (e depois só joga a 2 de Novembro com o Maccabi). Que é uma equipa muito competente e que sabe bem o que fazer para dar luta, mas não é descabido afirmar que talvez seja o compromisso mais acessível do calendário para este mês. Contas feitas, sete jogos, quatro deles em casa: decide- se a continuidade europeia e o título português para o Benfica neste precoce mês de Outubro, que tão cedo na época tem total preponderância na definição dos próximos nove meses.

E O Do PSG, Como Vai Ser?
Os comandados de Galtier, com 11 jogos completados até agora – e dez vitórias – cumprem as contas internas de Outubro quase só contra equipas na cauda da tabela: Nice, a dia 1, é agora 13.º classificado; O Reims, que recebe os parisienses entre os confrontos destes versus Benfica, é 17.º na Uber Eats; Ajaccio é último classificado e Troyes, o último oponente de Outubro, é 10.º.
Portanto, o calendário do PSG só dificulta na segunda semana, quando recebe no Parque dos Príncipes o Benfica e o rival de sempre, o Olympique marselhês de Igor Tudor, Guendouzi e Gerson – que até agora na Ligue 1 é segundo classificado, zero derrotas em oito jogos.
Será seguramente aí o tira-teimas em relação ao estofo dos da Côte d’Azur, que ao contrário da perfomance interna, têm passado vergonha na Europa: só uma vitória tangencial frente ao Olympiakos, em Dezembro de 2020, impede que a equipa registe um score de 16 derrotas consecutivas na principal prova europeia.

E Que Tal A Juventus?
Os italianos têm duas vitórias na época e estão no 8.º lugar da Serie A, portanto todos os confrontos do mês serão essenciais para o futuro da equipa: o Bolonha, 16.º classificado, é adversário no dia 2, a visita a San Siro para defrontar o Milan é dia 8, o dérbi de Turim é dia 15; antes de visitarem a Luz a 25, os italianos recebem o Empoli, 14.º classificado, a 21, e deslocam-se depois a Lecce, casa do actual 15.º classificado.
Não se anteveem grandes sucessos, principalmente sem os contributos de Kaio Jorge, Pogba, Miretti ou Chiesa numa fase inicial e principalmente devido às comoções entre equipa e adeptos: o último episódio, quando Bonucci foi acusado pelos tiffosi de ser um “mau líder”, traduz o ambiente de cortar á faca que pode precipitar a ruptura total com Massimiliano Allegri, o primeiro mártir numa eventual persistência da mediocridade."

Águia: Diário...

A Verdade do Tadeia #666 - A segunda maratona

FIFA23

500 mil...


"Artur Soares Dias foi o escolhido pelo CA para arbitrar o duelo entre FC Porto e SC Braga e assim garantir que nada falha."

Uma questão de concessões


"A minha filha mais crescida completou três anos e pediu-me para ver o filme da Pequena Sereia, o meu filme favorito da Disney, que vi vezes sem conta e me fez sonhar em ter uma cauda, para poder mergulhar até ao fundo do mar e saber vencer a força das ondas, tal como ela.
Nas férias voltei assim a ver o filme, e revivi a magia daquele meu imaginário infantil...
Mas não só! Com outros olhos, vieram à tona os estereótipos sociais e de género, mensagens que em pequena me estavam completamente vedadas. Acontece então que a dada altura a Pequena Sereia tem de optar por ficar sem voz em troca de umas pernas, para poder andar e conquistar o homem dos seus sonhos.
Hoje, mulher, casada e mãe de duas meninas, dei por mim a ver um filme que me fascinava, mas perpetua a ideia de que está tudo bem, mesmo se um dia tivermos de perder a nossa capacidade argumentativa ou liberdade de expressão.
Fiquei deveras triste ao perceber que aquele filme trazia consigo uma mensagem tão contrária aos meus ideais e com os quais cresci. Facto é que os meus pais sempre me levaram a crer que independentemente do género podia sonhar e ser o que quisesse.
Tinha 14 anos quando nos meus sonhos a natação entrou de rompante. Em 2004, conquistei um lugar olímpico que mudou o meu planeamento de treino. De imediato integrei a seleção absoluta e era ainda uma menina. Lembro-me de uma série de episódios que normalizei durante toda a minha carreira desportiva. Lembro-me de ter, em determinadas situações, reivindicado meu lugar e o meu valor. Ainda assim, tenho marcadas as vezes que dentro e fora do desporto fui uma Pequena Sereia.
O desporto foi-me moldando e mostrando que está repleto de valor reputacional, valor económico, recentemente provou ao mundo o seu potentíssimo valor diplomático e de união. E, não menos importante e tão na ordem do dia, tem, idealmente, igualdade de género.
Prova disso mesmo foram os assuntos abordados na mesa redonda das brilhantes atletas Telma Monteiro, Patrícia Mamona, Maria Caetano, Lorene Bazolo e Tamila Holub com a presidente do Parlamento Europeu, Roberta Metsola, no Comité Olímpico de Portugal. A voz ativa das atletas, o lugar na sociedade, a juventude e a igualdade de género resumiram os temas-chave que levantaram mais interesse e que mais inquietam o desporto no feminino em Portugal.
É já sabido que a igualdade de género traz à sociedade uma quantidade de benefícios para todos os que nela participam. A igualdade de género está longe de beneficiar em exclusivo as mulheres, para além de também desobrigar os homens de tantos estigmas, impostos por exemplo nestes "romances" da nossa infância.
E o desporto tem sido uma casa-mãe para esta conquista social.
Viveremos num mundo mais equilibrado quando todas as sereias mantiverem a sua voz. Quando as concessões pararem de ser sempre do lado feminino. O Príncipe não teve de fazer nenhuma!"

Mais desporto na Escola


"A crise sanitária tocou, sobretudo, os mais frágeis. Como a sedentarização ganha terreno, o desenvolvimento do desporto na Escola é uma mais-valia para a saúde e para a igualdade de sucesso dos alunos. A prática do desporto é uma necessidade. A atividade física e desportiva contribui para a educação das crianças e jovens. Ela permite: integrar as regras comuns, ter autoconfiança e conhecer melhor o corpo. Neste sentido, integrar os exercícios físicos no modo de vida, desde tenra idade, é essencial.
Em França, o Ministério encarregado pelos Desportos, tem duas prioridades para os mais jovens: aprender a nadar e saber andar de bicicleta de forma autónoma. Acredita-se que a Escola deve permitir que cada criança da República seja capaz de adquirir estas competências. É uma questão de saúde pública e de segurança. Portugal, poderia abraçar as mesmas causas. Na incapacidade das Escolas promoverem isso, deveria haver, pelo menos, uma maior articulação com os clubes locais. Por outro lado, as Escolas deveriam propor, na base do voluntariado, 30 minutos de atividades físicas por dia aos alunos. Obviamente, deveriam ser ajustadas aos contextos escolares.
A relação de uma criança com a atividade física é determinada entre os 6 e os 11 anos de idade. No entanto, mais de 90% das raparigas e mais de 80% dos rapazes, neste grupo etário, não são suficientemente ativos. Para a grande maioria das crianças, o desporto na escola é a principal fonte de atividade física. Fazer com que a geração mais jovem se mova, significa enfrentar este problema pela raiz, e dar o gosto pelo movimento físico, para além das horas de educação física e desporto já obrigatórias para todos os alunos."

Olé!

De novo, na Champions


"Depois da presença inédita na época passada, figuramos de novo entre os 16 melhores da Europa na vertente feminina do futebol. A vitória ante o Rangers selou o apuramento, num dia em que também festejámos triunfos em andebol (Marítimo) e hóquei em patins (Sporting). Isto e muito mais na News Benfica.

1
Vitória após prolongamento ante o Rangers e apuramento selado para a fase de grupos da Liga dos Campeões. A nossa equipa feminina de futebol marca nova presença entre os 16 melhores da Europa!
O brilhantismo da nossa equipa, muito perdulária, não ecoou nos resultados de ambos os jogos desta eliminatória. Foi notória a superioridade das Inspiradoras frente a um Rangers obrigado sobretudo a defender, mas que soube aproveitar as poucas oportunidades de golo criadas, equilibrando uma eliminatória desigual, por mérito da nossa equipa, ao nível da qualidade patenteada em campo.
Filipa Patão considera que "as nossas jogadoras tiveram capacidade para dar a volta às adversidades" e afirma: "Só posso estar satisfeita com a alma benfiquista desta equipa, que se sente do primeiro ao último minuto." A nossa treinadora realça que a equipa é "muito jovem", está "a evoluir imenso e a dar um salto qualitativo para o Clube e para Portugal" e realça que, "pela segunda vez, conseguimos um feito histórico, mas ainda há muito a melhorar e a crescer".
Veja o resumo do jogo no Site Oficial.

2
Noite de gala no Pavilhão Fidelidade. A goleada infligida ao Sporting (5-1) premiou a grande exibição da nossa equipa de hóquei em patins no dérbi eterno perante os Benfiquistas que encheram o pavilhão e apoiaram incessantemente o Benfica. A desvantagem verificada ao intervalo foi ultrapassada com um segundo tempo avassalador.
Na opinião do treinador Nuno Resende, "a primeira parte foi bem trabalhada, merecíamos claramente estar em vantagem". "Tivemos então a calma e a lucidez para conseguirmos ser mais incisivos nas situações trabalhadas. Foi uma bela vitória num ambiente fantástico! Ganhámos bem!", disse.
Leia a reportagem e veja o resumo do triunfo, aqui.
Também vencemos em andebol, na receção ao Marítimo, por 33-25. Pode ver o resumo da partida, aqui.

3
O Benfica é o primeiro clube português na fase de grupos da Basketball Champions League. Veja o vídeo dos bastidores da qualificação nas plataformas de comunicação do Clube.

4
Diogo Gonçalves e Petar Musa protagonizaram a sessão de autógrafos na Loja Suits Inc, no Centro Comercial Colombo. Veja a reportagem fotográfica.

5
No sábado há embate entre Vitória e Benfica, em Guimarães, com pontapé de saída marcado para as 20h30. Entre os vários desafios marcados para esse dia, destaque ainda para a Supertaça de voleibol frente à Fonte do Bastardo, às 19h00, em Santo Tirso. Confira a agenda benfiquista e apoie as nossas equipas.

6
Conforme esperado, face ao início de época da nossa equipa e do estatuto e qualidade do nosso adversário, o desafio com o PSG, agendado para a próxima quarta-feira, na Luz, está a despertar enorme procura, já só havendo disponibilidade de bilhetes no "mercado secundário".
Neste âmbito, compete-nos alertar para a existência de muitas plataformas online de venda ou revenda de bilhetes não autorizadas, cujos ingressos aí comercializados não serão permitidos no acesso ao Estádio (consulte, no Site Oficial, a lista de plataformas não autorizadas e já detetadas).
Lembramos que os canais de venda oficiais, de bilhetes do Sport Lisboa e Benfica, são as Lojas, Casas e Site Oficial e que a compra de bilhetes em plataformas não autorizadas é proibida por lei e quem for identificado poderá ser punido.
Os Sócios e Adeptos não podem revender os seus bilhetes nestas plataformas e o Sport Lisboa e Benfica não se responsabiliza pelos bilhetes comprados nestas plataformas.
Os detentores de Red Pass podem partilhar ou ceder o lugar ao Benfica para venda no mercado oficial do Clube, através da Benfica APP."

Ouro


A competir em casa, o Fernando Pimenta, conquistou mais uma medalha de Ouro, no Mundial de Maratonas, no K1 Short Race!
Ainda vai competir no K1 Long Race e no K2...

Treino...

Depois da injeção de €4,4 mil milhões, a DAZN (apesar de ainda endividada) comprou Eleven. Como fica o mercado da televisão desportiva?


"Apagadas as dívidas até ao final de 2021, a DAZN, detida pela Access Industries, aponta para novos investimentos no mundo das apostas, novos mercados e NFT. Falhada a compra da BT Sport, que transmite a Liga dos Campeões e a Premier League no Reino Unido, a DAZN adquiriu a Eleven Sports, disponível em Portugal desde 2018. Os valores ainda não são conhecidos

A DAZN, uma plataforma de streaming que disponibiliza a transmissão de alguns desportos e documentários, anunciou na terça-feira a aquisição da ELEVEN Sports. A verba não foi revelada, só o plano.
Em Portugal, além de transmitir os jogos da Liga dos Campeões, a Eleven Sports detém os direitos televisivos de Premier League, La Liga, Bundesliga, Ligue 1, Fórmula E, NASCAR, NFL, entre outras modalidades e competições.
O canal está disponível no nosso país desde 2018. Já a DAZN, que congelou os planos de entrar na bolsa e que está em mais de 200 países, tem em vista novas geografias e mercados alargados, com Portugal na mira. O canal prevê também um novo fluxo de receitas nas redes sociais, pois no pacote do negócio já mencionado está também a Team Whistle, o negócio de media e entretenimento da Eleven Sports e ainda expansão dos direitos de futebol, já que a Eleven transmite qualquer coisa como 40 mil jogos por ano. Na época passada, a DAZN juntou aos principais campeonatos em Espanha, Alemanha, Áustria, Japão e outros a transmissão televisiva da Serie A em Itália, com uma proposta de 2,5 mil milhões de euros.
“Esta aquisição acrescenta escala ao nosso negócio. É um grande passo em frente na nossa missão de sermos a principal plataforma desportiva global”, declarou Shay Segev, CEO do Grupo DAZN, no comunicado que anunciava o negócio. Já Marc Watson, CEO e cofundador da Eleven, falou em lugar certo: “Vemos a DAZN como o futuro das transmissões desportivas digitais e o local ideal para a Eleven. O desporto é entretenimento global e juntarmo-nos à DAZN será transformador, permitindo-nos aceder a maiores economias de escala e a uma plataforma global para a nossa talentosa equipa”.
A empresa que absorve agora a Eleven Sports e acredita que vai adicionar 300 milhões de euros às receitas pertence à Access Industries, fundada pelo ucraniano Len Blavatnik. O bilionário protagonizou, em fevereiro, uma injeção de capital de €4,4 mil milhões para apagar as dívidas até ao final de 2021 e ainda para mirar outros investimentos, como o mundo das apostas, novos mercados e Non-Fungible Token (NFT).
Este movimento de Blavatnik aconteceu depois de a DAZN falhar a compra da BT Sport, que transmite a Liga dos Campeões e a Premier League no Reino Unido, conta o “Financial Times”. E não só. Em 2019 e 2020, a DAZN apresentou prejuízos de cerca de €1,5 mil milhões devido, sobretudo, às consequências que resultaram da pandemia de covid-19, conta o site norte-americano “Axios”.
Agora segue-se o tal passo robusto com a aquisição da Eleven, que Andrea Radrizzani, fundador e presidente da empresa criada em 2015, fala em fusão. “Nos últimos seis anos desenvolvemos uma empresa de media desportiva de sucesso e estamos encantados por esta viagem continuar. A fusão proporcionará maiores oportunidades como grupo para continuar a construir um destino global para os fãs do desporto, que foi a nossa missão desde o primeiro dia”, admitiu o também proprietário do Leeds United.
Por cá, qualquer assinante da Eleven Sports viu a mensalidade aumentar, em agosto, de €11,99 para €14,99. Já para ter a Sport TV, que transmite a I Liga portuguesa e recuperou as transmissões da Fórmula 1 e que ainda detém a Liga Italiana (terá também todos os jogos do Campeonato do Mundo, no Catar), o espetador desembolsa €29,99, com a possibilidade de aceder ao canal em dispositivos móveis.
Os prejuízos da Sport TV no primeiro trimestre de 2021 atingiram os €12,24 milhões. Esse valor representou para a empresa, que é detida em partes iguais por Olivedesportos, Vodafone, NOS e Altice, uma queda importante nos resultados face ao que fora observado em 2019 e no final de 2020, um intervalo em que os resultados negativos registaram um agravamento de 59%, escreveu o “Jornal de Negócios”, em abril de 2021.
Em meados de setembro, a RTP e a Sport TV renovaram, por duas temporadas, o acordo para a transmissão de um jogo por fim de semana da Liga Portuguesa nos canais RTP Internacional e RTP África."

Modalidades #97 - Semanada...

Falar Benfica: Futsal...

Visão: Sinal - Antevisão...

Fever Pitch: Rivais...

Águia: Diário...

Terceiro Anel: Médio defensivos...

A Verdade do Tadeia #665 - O que falhou contra a Espanha

Hackeado?!


"Vamos aguardar serenamente a notícia que o site da Liga Portugal foi hackeado e que é o Rui Moreira que lá colocou a nomeação desta equipa de arbitragem para o jogo do Benfica em Guimarães no próximo Sábado. Não admitimos sequer outra hipótese.
A ser verdade, achamos que chegou a altura. A falta de comparência tem de ser a única atitude possível perante isto. Não vamos lá fazer nada e não. E escusam de vir bater no peito e fazer-nos de muito fortes que ganhar um jogo em Portugal com 4 fanáticos Andrades (que saibamos, às tantas os outros 3 também são!) ao leme do apito é completamente impossível, principalmente quando o Benfica leva pontos de avanço na classificação.
Estamos em 2022 e o Rui Costa (o irmão do Paulo Costa) ainda anda a apitar jogos do Benfica e do Calor da Noite. Contado ninguém acredita. É a mesma merda que o ladrão de catalisadores que vai na 7ªlibertação depois de ser apanhado em flagrante a roubar, só dá mesmo para rir.
Já nem vamos ao Bessa Silva que até dentro de campo não consegue controlar as emoções e reage a bolas para fora do seu Calor da Noite. Ou ao Sérgio Jesus que festeja golos anulados ao Benfica. Ou ao Luis Ferreira que valida 3 golos ilegais em pleno Estádio da Luz e é advogado de defesa no Apito Dourado. Mas está tudo maluco? Que caralho andas a fazer Rui Costa (o nosso)?!?
Se isto continua nesta brincadeira e Rui Costa (o nosso) continua impávido e sereno sem denunciar tudo isto publicamente, então teremos mesmo de ser nós, adeptos, abandonados à nossa sorte a fazer pela vida do Benfica e a mostrar a esta gente que, se quisermos, também podemos arranjar meia dúzia de bandidos para lembrar a estes senhores todos que têm família, já que está a valer tudo neste momento no futebol em Portugal!"

All In da AF Porto!!!


"Se o objetivo é que exista cada vez mais "verdade desportiva" na Liga, as nomeações para o VAR, nos jogos mais importantes da jornada, não ajudam em nada a fazer valer essa premissa.
As nomeações para o VAR deixam transparecer uma clara tentativa de retirar pontos ao SL Benfica, já nesta jornada.
A AF Porto tomou de assalto o VAR para o D. Afonso Henriques.
Rui Costa, árbitro da AF Porto, foi nomeado pelo Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol para apitar o Vitória-Benfica. O VAR será Luís Ferreira e o AVAR, Sérgio Jesus.
O árbitro, irmão de Paulo Costa, já deveria estar reformado dos relvados devido à sua idade. São desconhecidos os motivos que o levam a ainda arbitrar. É também o árbitro que processou a BTV, mas que continua a apitar jogos do Benfica como se nada se tivesse passado.
#VerdadeDesportiva #LigadaFarsa"

O meu melhor da semana, hoje na liga de ouro da CMTV: A reação do Sport Lisboa e Benfica à multa do CD da FPF!


"A multa aplicada, na sequência das declarações de Henrique Araújo após um jogo em Vila do Conde, foi entendida pelo Record como motivo suficiente para justificar a primeira página desta 5-ª feira.
Isso e o facto de o Benfica pedir que a Disciplina no futebol português seja repensada e que, tal como está, deixe de existir.
Não é caso para menos. Alguém se recorda de um clube ser multado em 64 mil euros por um conjunto de declarações relativas a arbitragens em que foi sucessivamente prejudicado?
Não foi, apenas, o Benfica a levantar a voz. Os próprios jornais e televisões colocaram em evidência essas decisões erradas que prejudicaram objetivamente o Benfica.
Henrique Araújo foi apenas mais um a exigir… “respeito”. O Benfica perdeu esse jogo, o jogador foi agora multado, suspenso e Cláudio Pereira, esse, continua por aí a espalhar a sua magia.
Cláudio Pereira, aliás, é um caso especial e a merecer atenção. Raramente o Conselho de Arbitragem permite que os árbitros prestem declarações públicas para comentar as suas atuações. Em janeiro de 2020, porém, Cláudio Pereira – na condição de VAR – esteve no Famalicão-Santa Clara, que os açorianos venceram por 1-0, com o golo a ser apontado após um polémico penálti. “Foi um erro da minha responsabilidade”, admitiu Cláudio, ao jornal O Jogo.
Por que razão este árbitro pôde justificar-se? Por que razão veio admitir o erro? Que sentido faz criar estes excecionais momentos de comunicação apenas para alguns?"

Fim da paragem da Liga Portugal para os compromissos da Seleção dos compadrios.


"Durante o períodos entre os dois jogos de Portugal tivemos:
➡️ Um jornalista insultado por um Presidente de Câmara (que a entidade patronal não contestou);
➡️ Um comentador da SportTV censurado por dar uma opinião pessoal sobre a má gestão do caso Pepe por parte da direção (com pedidos de desculpas do canal à FPF);
➡️ Um comentador da Eleven Sport afastado após fazer uma piada sobre Taremi (a pedido do diretor de comunicação do FC Porto);
➡️ Uma campanha de censura a tudo e todos cada vez que se fala em Taremi;
➡️ Um comentador portista a instigar o uso de violência física sobre jornalistas que falarem o que ele não gostar de ouvir, sem ser despedido e sem pedido de desculpas;
➡️ Um jogador que não esteve presente num teste anti-doping da FIFA e logo depois foi dispensado com a justificação de uma lesão;
➡️ Um jogador destratado (antipatriota, mesquinho, mal comportado, feitio estranho, má escolha de timing, destabilizador, mau profissional) durante o mesmo período, todos os dias, por ter renunciado à Seleção;
➡️ Um jogador jovem do SL Benfica convocado para ficar na bancada;
➡️ Uma juíza do Porto que diz que não se pode chamar "javardo" ao Sérgio Conceição porque é crime;
➡️ Um jogador do SL Benfica ser suspenso por 1 jogo após dizer umas verdades numa entrevista rápida;
Para terminar o ramalhete, e com a retoma do campeonato, temos Artur Soares Dias nomeado para apitar o FC Porto - SC Braga. Nada mais nada menos que o jogo entre segundo e terceiro classificado, logo atrás do SL Benfica.
Está bom de ver quem vai ganhar, não está?
#Ligadafarsa"

Os tentáculos de um polvo azulado


"Foram quase duas semanas sem campeonato de futebol. A pausa para os compromissos da Seleção que devia ser de todos nós deixou bem patente que é apenas a Seleção de alguns.
Para lá dos jogos de Portugal, a semana foi fértil em casos que demonstram na perfeição ondes chegam os gigantesco tentáculos do polvo existente no futebol português. E qual é o denominador comum a todos os casos: FC Porto.
O início da pausa do campeonato, para as datas FIFA, arranca desde logo com a renúncia à Seleção por parte de Rafa. Motivo mais que suficiente para a máquina de propaganda da FPF - a reboque dos cartilheiros azuis e brancos - fazer um "assassinato público" do jogador do Benfica . De anti patriota até a mau profissional e pouco empenhado, tudo foi permitido dizer-se, sem que alguma voz da FPF tivesse vindo a terreiro fazer a defesa de Rafa.
No plano oposto, tivemos um comentador da Eleven Sport despedido por ter feito uma piada sobre Taremi («Aqui não há Taremis») numa transmissão de um encontro desportivo para demonstrar o nível de fair play dos intervenientes. O diretor de comunicação do FC Porto veio às redes sociais para gritar aos sete ventos que não seria tolerável falar mais sobre o internacional do Irão. Mais tarde o clube do norte anunciou que iria recorrer à ERC no sentido de fazer valer a sua posição.
Já o mesmo cenário não se aplicou a Rodolfo Reis, que em direto, no canal da Cofina, instigou o uso da violência física aos jornalistas, quando dizem aquilo que ele não gosta de ouvir sobre Taremi.
Ainda sobre o mesmo motivo, o Presidente da Câmara do Porto, em horário pós laboral - como se ser Presidente de Câmara fosse um qualquer part-time - usando uma página pessoal nas redes sociais, insultou um jornalista da SportTV de «perfeito imbecil» (para além de outros insultos fáceis), justificando que o jornalista não podia fazer a pergunta que fez ao jogador Iraniano numa flah interview.
Não se conhecem até ao momento quais as medidas legais tomadas para a condenação política do edil do Porto.
Em relação à Liga Portugal , talvez não se tenha manifestado em subserviência pela generosa oferta da Câmara Municipal do Porto e do seu Presidente, que não vão cobrar as taxas e impostos referentes às licenças de construção da futura sede da LPFP, num valor superior a 1 000 000€.
Entretanto, o caso em que Sérgio Conceição foi o alvo - também numa rede social - de insultos por parte de Francisco Seixas da Costa (antigo secretário de Estado dos Assuntos Europeus) conheceu o seu desfecho. O resultado foi a condenação do ex-Eurodeputado por crime de difamação e multa de 8200 euros pelo Tribunal do Bolhão. É o mesmo que dizer que não se pode chamar de «javardo» a alguém que cospe num colega de profissão e passa a vida "pegado" com tudo e todos.
E por falar em SportTV...
Numa clara demonstração de subjugação ao poder do polvo azul e dos seus tentáculos, alguém da Federação Portuguesa de Futebol, pediu ao canal de Joaquim Oliveira para que fosse saneado um comentador conotado com o SLBenfica após este se ter referido à má gestão que a FPF fez do caso Pepe. Se por um lado não fez a defesa do jornalista que foi ofendido por Rui Moreira, por outro lado despediu quem ousou dar uma opinião contrária ao poder instalado na Federação. Ao jeito dos tempos áureos da Ditadura.
O "lápis azul" funcionou...
Se a Seleções de Portugal exerce influência numa entidade externa, neste caso a SPORT TV , a ponto de determinar o despedimento de um colaborador, imagine-se o que fará a organismos diretamente por si tutelados, leia-se o Conselho de Arbitragem e o Conselho de Disciplina.
Dá que pensar!
Para finalizar, e numa clara demonstração de poder - não há outra explicação - o Concelho de Disciplina da FPF decidiu punir Henrique Araújo com um jogo de suspensão e 535€ de multa pelas declarações no final do jogo do Benfica B contra o Rio Ave, numa partida em que mais uma vez os encarnados foram pilhados e usurpados.
O SL Benfica foi também penalizado, com 64 770€ (sim, leram bem!!) de multa. Curioso que aconteceu no mesmo jogo em que um jovem jogador - Sandro Cruz do Benfica B - sofreu insultos racistas de adeptos do Rio Ave (continuam a ir ao futebol ao contrário dos adeptos do Estoril que ofenderam o pai da criança vestido com a camisola do FC Porto) e valeram apenas cerca de 800 euros de multa.
Este Concelho de Disciplina anda com as suas prioridades todas trocadas. Inenarrável!
Em comunicado, o CD da FPF diz que o valor dos 64 mil euros não se referem às declarações de Henrique Araújo mas sim «[...] pelo concurso de 6 (seis) infrações disciplinares e resultou da apensação de 5 (cinco) processos disciplinares». Só não diz quais.
Lembramos que o CD puniu o clube encarnado pela tarja de homenagem aos 3 adeptos que faleceram num viagem de apoio ao Benfica a Slip (10500 €) num valor inferior à tarja que os Super Dragões colocaram numa bancada inteira do estádio do Dragão (1580 €) com o 11 que - diziam eles - deu o último campeonato aos SL Benfica.
Credibilidade, zero!
Como se vê, o poder político anda de mão dada com o poder desportivo, principalmente a Norte.
Quando se diz que a justiça a Norte é diferente da do resto do país, não é nenhuma falácia ou exagero. É bem visível. É controlada pelos enormes tentáculos deste polvo azul e branco. A FPF está refém do FC Porto mas não surpreende nada. Basta ver quem é e de onde veio o seu presidente.
#LigadaFarsa #41anosdisto #polvoazul #FPF"

Bom dia. 🤣

Who you gonna call?


"If there's something strange
In your neighborhood
Who you gonna call?
(Artur Super Dragão - ASD!)

If there's something weird
And it don't look good
Who you gonna call?
(Artur Super Dragão - ASD!)

Se sentir alguma coisa estranha
Na sua vizinhança
Quem é que vai chamar?
(Artur Super Dragão - ASD!)

Se sentir alguma coisa esquisita
E não lhe cheirar bem
Quem é que vai chamar?
(Artur Super Dragão - ASD!)"

Tanta hipocrisia


"Será que o Taremi também vai tapar o símbolo do FC Porto no próximo jogo em protesto contra o diretor de comunicação do seu clube, Francisco J. Marques, ter sido detido e estar acusado por suspeitas de violência doméstica sobre mulheres?"

A braçadeira de Ronaldo


"O capitão da Seleção Nacional voltou a não estar à altura da responsabilidade. Não se trata, sequer, de uma questão de rendimento em campo. Isso é outro tema. Trata-se, sim, de todos termos visto Cristiano Ronaldo falhar uma vez mais nos pontos onde estava absolutamente proibido de ceder:
1 - na assunção das responsabilidades,
2 - na capacidade de liderar,
3 - na necessidade de emergir num momento de dificuldade.
O capitão de Portugal fez tudo ao contrário, de novo. Esbracejou em campo com os colegas, desapareceu de imediato após o apito final e ainda se permitiu desfazer-se da braçadeira como se ela não tivesse o valor – que não é apenas simbólico – que efetivamente tem. CR7 faz, literalmente, o que quer e lhe apetece. Porque, em Portugal, não tem um treinador como Ten Haag – que pensa pela própria cabeça e que não se deixa capturar por nenhum dos homens que comanda. Muito menos pelos amuos de uma estrela que, objetivamente, está a empalidecer e se recusa a aceitar a realidade.
Não foi apenas o episódio da braçadeira a marcar negativamente a noite de Cristiano Ronaldo na derrota frente à Espanha, em Braga. No final do jogo, o capitão voltou a fugir aos jornalistas, tal como já acontecera, por exemplo, após o desaire com a Sérvia, no Estádio da Luz, que nos afastou a qualificação direta para o Mundial do Catar. Nessa noite, tal como agora em Braga, coube aos “Rubens Dias” assumir o momento e aparecer, de lágrimas nos olhos e com o lábio a tremer, em frente aos jornalistas para explicar o inexplicável.
O capitão, esse, escapou entre o barulho das luzes e, mais tarde, como é habitual, mandou a irmã dar uns “tiros” no Instagram. Não é de líder. Mas desconfiamos que, na Cidade do Futebol, ninguém se vai preocupando muito com isto. Ou, então, ainda ninguém teve coragem para fazer o que se impõe.
O selecionador nacional também vive dias difíceis. Está, há muito tempo, debaixo de duras críticas e a verdade é que não consegue inverter a situação. Também aqui, tal como no caso de Cristiano Ronaldo, o problema vai muito para além do que se passa no relvado. Fernando Santos está a falhar em diversos planos e um deles é, claramente, o da comunicação. Geriu mal a situação de Rafa – ou foi mal aconselhado – e confirmou que está em “má forma” na conferência de imprensa que se seguiu ao jogo com a Espanha.
Perante uma pergunta que nem sequer tinha a “malícia” com que foi interpretada, o selecionador nacional – sentindo-se acossado, inseguro, sem soluções – optou pela via mais fácil: “A mim isto não me belisca nada. Tenho contrato até 2024.” Deu para ficarmos a saber onde Fernando Santos tem a cabeça e qual é a sua prioridade.
Não é, de todo, o Mundial do Catar."