Últimas indefectivações

sexta-feira, 28 de junho de 2019

Um abraço da Jamaica

"Estou novamente fora de Portugal, mas vou acompanhando as novelas do nosso futebol. Leio as tentativas falhadas de denegrir o SL Benfica e João Félix, os delírios oposicionistas de candidatos a líder que não o são, o apego pela formação que os nossos rivais agora descobriram, os negócios de milhões que os outros nunca fazem. Mesmo à distância, não há como escapar a tanta azia alheia.
O que vale é que estou na Jamaica, um país onde os campeonatos nacionais de atletismo são transmitidos em directo na televisão. Esta é a ilha de Usain Bolt e de dezenas de outros atletas medalhados internacionalmente, por isso é normal que as conversas sobre desporto comecem e acabem quase sempre em atletismo. E calha bem, porque no fim de semana passado, as equipas masculina e feminina de sub-23 do Sport Lisboa e Benfica venceram os campeonatos nacionais dessa modalidade. E que orgulho isso me dá enquanto adepto. Ver o trabalho de Ana Oliveira, dos dirigentes, dos treinadores e dos atletas a dar resultados tão positivos - e há tantos anos - é sinal de que o ecletismo do Glorioso está no caminho certo. Não criámos equipas apenas para dizer que as temos: formamos e lutamos para ganhar em todas as modalidades em que participamos.
E assim, por cá, com mais de 30 graus de temperatura no ar e na água, sabe bem falar de desporto com os jamaicanos. Não se fala de dores de cotovelo, ressabiamento ou cegueira clubística. Fala-se de superação, de treino, de competição saudável. Não se olha para o quintal do vizinho a invejar a relva. Trabalha-se de forma mais árdua para conseguir os objectivos. E isso é coisa demasiado estranha para rivais que acordam, vivem e dormem a pensar em nós em vez de trabalhar para ser melhores. Vou ali dar um mergulho e já venho."

Ricardo Santos, in O Benfica

Sem comentários:

Publicar um comentário

A opinião de um glorioso indefectível é sempre muito bem vinda.
Junte a sua voz à nossa. Pelo Benfica! Sempre!