Últimas indefectivações

sexta-feira, 25 de maio de 2018

Boomerang

"Esse objecto é mundialmente conhecido, essencialmente pela sua característica de retornar ao local de onde foi arremessado. O formato abaulado de asa é o que mantém o boomerang voando após o arremesso. O ar que passa por baixo, onde o objecto é recto, tem de percorrer uma distância menor que o ar que dá a volta por cima, onde ele é curvo. Fazer essa curva aumenta a velocidade do ar. Quanto maior a velocidade, menos a pressão: ou seja, pressão por baixo resulta maior que a de cima. Isso gera a chamada força de sustentação, que impede a queda imediata do boomerang.
Complicado? Sim, mas tudo se descomplica.
No jantar de Natal do Sporting, Bruno de Carvalho falou à Sporting TV e, em apenas 25 segundos; conseguiu juntar fruta, e-mails e vouchers, numa ironia com alguns casos polémicos do futebol português nos últimos anos...
Pois! O problema é que, à imagem de muitos portugueses, quando esteve na escola não estudou aerodinamismo. Aliás, a explicação para este fenómeno do boomerang insere-se mais no âmbito da engenharia mecânica, ou mesmo da engenharia aeronáutica. É verdade! A educação desde o princípio dos anos 90 passou a ser um tema 'crashante', onde todos mandam vir, mas ninguém tem razão. A verdade é que quanto mais a ofenderam, mais ela se tornou numa diversão, mais do que num ensinamento. Daí que, aliada a uma preguiça natural e muitas vezes a uma omissão neuronal, só passa ter dado no que deu.
- André Filipe Geraldes (dirigente desportivo), é acusado de vários crimes agravados de corrupção activa, p. e p. pelos arts. 2.º a), 9.º n.º 1 e 12.º n.ºs 1 e 2 da Lei n.º 50/2007, de 31 de Agosto, na redacção introduzida pela Lei n.º 13/2017, de 2 de Maio, a cada um dos quais corresponde, em abstracto, pena de prisão de 30 dias até 4 anos pelos factos indiciariamente cometidos até 3/5/2017 e de 30 dias até 6 anos e 8 meses, pelos indiciariamente cometidos após esta data.
Não há fuga possível!"

Pragal Colaço, in O Benfica

Sem comentários:

Publicar um comentário

A opinião de um glorioso indefectível é sempre muito bem vinda.
Junte a sua voz à nossa. Pelo Benfica! Sempre!