Últimas indefectivações

sexta-feira, 15 de novembro de 2019

As longas férias do campeonato

"Pedro Proença esteve na UEFA, numa reunião que envolveu conhecidas figuras internacionais do futebol, para discutir e apresentar propostas que melhorem o jogo e os modelos competitivos. O que quer dizer que o presidente da Liga Portugal esteve no sítio certo para perceber que é urgente mudar a competição profissional no futebol português.
O estado da nação do futebol luso é preocupante e carece dos maiores cuidados. Precisa de encontrar soluções inovadoras, que permitam maior equilíbrio competitivo e melhorem os cansados modelos de negócios; e precisa que se olhe para o calendário de competição com sentido de responsabilidade e vontade de mudança.
Terminada, no final da semana passada, a décima primeira jornada do campeonato maior, a prova só recomeçará no início de Dezembro. Vinte dias de abstinência forçada pela inevitabilidade de jogos da Selecção e pela evitabilidade de jogos das Taças de Portugal e da Liga. O campeonato voltará a arrancar no início do último mês do ano, mas para logo voltar a parar, também por vinte dias, deixando os actores longe do palco do Natal e na passagem de ano, durante a qual, admito, as festas nocturnas não serão tão escrutinadas, mesmo que alguém não resista à tentação de as publicitar numa qualquer rede social perto de si.
De uma coisa estamos nós livres: que o campeonato aqueça demasiado as emoções. Pode ser um factor importante para o sossego da nova autoridade antiviolência que também poderá passar o Natal e o Ano Novo em paz. Só não é um factor importante para a melhoria do futebol português, mas isso também pouco interessa."

Vítor Serpa, in A Bola

Sem comentários:

Publicar um comentário

A opinião de um glorioso indefectível é sempre muito bem vinda.
Junte a sua voz à nossa. Pelo Benfica! Sempre!