Últimas indefectivações

sexta-feira, 25 de abril de 2014

Mas que grande jogo de futebol!

"Noite de gala na Luz. Jogo de altíssimo nível, frenético, emocionante, duas equipas que se encararam olhos nos olhos, em 90 minutos do melhor futebol que passou este ano por Portugal. Frente a uma Juventus que vai a caminho do terceiro scudetto consecutivo, o Benfica demonstrou organização, ambição e dimensão. Por isso vai a Turim com tudo em aberto. E com certeza de que os italianos pensavam que a final, que se joga no seu estádio, era como a pescada, que antes de o ser já o era, já mudaram de ideias.
Entre Lisboa e Turim o Benfica vai ainda fazer escala no Porto, onde discutirá com os dragões a presença na final da Taça da Liga. Na presente temporada, se há mérito que Jorge Jesus teve, foi o de saber identificar com cristalina clareza as prioridades para a equipa que dirige. Ganho o campeonato e com o Jamor ainda distante, nada deverá perturbar o sonho de repetir uma final europeia. Assim, sem menosprezo nem pelo FC Porto, nem pela própria Taça da Liga (competição que precisa de uma calendarização mais inteligente), o Benfica deverá apresentar no Estádio do Dragão uma equipa que não hipoteque as possibilidades de ser feliz em Turim. Sendo normal, note-se, que o FC Porto coloque toda a carne no assador e tente fazer da Taça da Liga um bálsamo que embora não cure, possa aliviar as mazelas de uma temporada mal construída, mal disputada e mal querida.
PS - Pode dizer-se que o inferno da Luz está de volta. A jogar em casa o Benfica transformou-se num temível adversário e na presente temporada aí foram derrotados, entre outros, FC Porto e Sporting (duas vezes cada), Paris Saint-Germain e Juventus. E não é por acaso que quase um milhão de pessoas foram à Luz..."

José Manuel Delgado, in A Bola

Sem comentários:

Publicar um comentário

A opinião de um glorioso indefectível é sempre muito bem vinda.
Junte a sua voz à nossa. Pelo Benfica! Sempre!