Últimas indefectivações

terça-feira, 19 de novembro de 2019

Cadomblé do Vata (ismos...!!!)

"Tenho saudades de ser só Benfiquista. Só e apenas Benfiquista. Não ser "Gomes da Silva" ou "Luís Filipe Vieira" consoante a minha opinião ou a interpretação de um qualquer leitor "Gomes da Silva" ou "Luis Filipe Vieira". Se a segunda metade da década de 90 foi o Vietname do Benfica, os últimos dois ou três anos ameaçam ser a La Lys do Benfiquismo, que numa quase evolução darwinista, vai fenecendo sob o crescimento dos "ismos" agarrados a nomes de personalidades de duvidosa utilidade para a causa.
A opinião Gloriosa está a ficar de tal forma etiquetada, que não só começo a ter saudades de ser Benfiquista, como da dicotomia "vieirista" e "anti-vieirista" que no seu fundo patético, conseguia ser menos fundamentalista do que a recém criada divisão, nascida uma candidatura presidencial de um comentador tornado blogguer, que precisou de ser colocado na lateral do prato dos comilões, para descobrir todo o mal que grassa no Sport Lisboa e Benfica, porque tal seria a proximidade que tinha com o rabo do então e ainda Presidente, que nem o cheiro das negociatas conseguia sentir.
A má noticia para estes pardais de capoeira, que julgam que todas as opiniões vêm com código de barras para leitura de preço na caixa rápida do hipermercado, é que tanto o Benfica como o Benfiquismo já passaram a provação maior das humilhações semanais dentro das 4 linhas, que apenas serviu para demonstrar o acerto das palavras de Laurent Moisset dactilografas em 1991 no France Football: "O Benfica é eterno. Eles não conhecem fenómenos de erosão que possam fazer perigar as suas fundações mais seguras. Eles sabem sempre renovar a sua imagem. O Benfica é uma lenda". Muito depois dos "Gomes da Silva" e dos "Luis Filipes Vieiras" das redes sociais morrerem, o Sport Lisboa e Benfica e os Benfiquistas ainda por cá andarão, porque o Benfiquismo passa-se de pai para filhos e os gomismos-vieirismos morrem na cabeça de uma descendência mais capaz intelectualmente."

Sem comentários:

Publicar um comentário

A opinião de um glorioso indefectível é sempre muito bem vinda.
Junte a sua voz à nossa. Pelo Benfica! Sempre!