Últimas indefectivações

quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Lixívia 1

Tabela Anti-Lixívia:
Sporting..... 3 (0) = 3
Braga..........3 (0) = 3
Corruptos... 3 (0) = 3
Benfica....... 0 (-1) = 1



Como escrevi na crónica do jogo: nada de novo, a palhaçada continua...!!! A única novidade é concordar com alguma coisa que o José Mota diz !!! Dizer que os Corruptos são beneficiados, é de facto uma banalidade, já cansa... Enquanto tiver paciência, aqui fica a Farsa Competitiva Tuga 2013/14 !!!
Nos Barreiros, tendo em conta tudo o que se passou no defeso e na pré-época, os dirigentes, o treinador e os jogadores, deveriam ter total consciência, que ao mínimo descuido, o Circo ficaria montado. Portanto a motivação, a concentração tinha que estar muito acima do normal. O Benfica deveria ter encarado este jogo como fosse a Final da Champions. E isso não aconteceu... Dessa responsabilidade, ninguém fica ilibado. Friamente, uma derrota nos Barreiros não seria o fim-do-mundo, num cenário normal, mas o Benfica não vive numa situação normal, por muitos e variados motivos, inclusive o lançamento da nova Benfica TV...!!!
Mas isso não desresponsabiliza a roubalheira do Jorge Sousa e dos seus auxiliares. O silêncio perante a roubalheira é cúmplice. Seja o silêncio da Direcção, seja o silêncio dos adeptos. Os únicos que acabaram por protestar foram os jogadores, e esses não o devem fazer, pois como a gente sabe, os castigos para o Benfica são rápidos e pesados!!!
Não é fácil descrever o critério torto, durante os 90 minutos nos jogos do Benfica, por isso deixo alguns exemplos: o Enzo recupera uma bola (de forma limpa), na meia-lua do Marítimo, sobre o Danilo, a bola sobra para o Lima em posição de remate perigoso. Jorge Sousa apita imediatamente, não fosse o Lima marcar!!! No final da 1.ª parte, Gaitán é pontapeado, e empurrado com os dois braços, no bico da área do Marítimo, seria um livre perigoso. Jorge nada marca, e na sequência da jogada, com a equipa do Benfica desequilibrada, é marcado penalty contra o Benfica!!!
Estas situações repetem-se durante os 90 minutos. É um massacre. Marcar faltas junto da área do adversário em posição frontal é quase impossível. Numa época inteira (30 jogos), não temos mais de 10 livres (curiosamente 5, é capaz de ser a média por jogo dos Corruptos)!!! O Cardozo não marca um golo de livre directo (competição nacional) à mais de 2 anos!!! Em 80% das bolas recuperadas pelo Benfica, em zonas adiantadas, que apanham o adversário desequilibrado, é sempre marcado falta contra o Benfica... O inverso raramente é falta... O critério disciplinar é uma anedota: o Ruben Ferreira corta um cruzamento com o braço, perto do risco da área, o árbitro até marca a falta, mas não mostra o amarelo, se fosse o Maxi ou o Cortez era amarelo, sem hesitações... Estas situações, normalmente não são considerados casos dos jogos, mas para quem assiste ao jogo, são demasiados evidentes. E é assim que os apitadores mais experientes, controlam os jogos... Intimidando os jogadores, que percebem muito bem o que se está a passar, enquanto os protegidos do Sistema, jogam com impunidade total... O Gaitán também tentou expulsar o Rossi, simulando uma agressão (estilo Josué), mas o Jorge Sousa nem hesitou: siga jogo!!!
- O lance mais evidente de prejuízo ao Benfica, foi o penalty no último minuto: não compreendo como é que alguém defende que o Artur fez penalty por tocar com o braço na coxa do Derley, e depois diga que o Lima, não sofre penalty, quando também é derrubado com um toque na coxa, e desta fez por trás!!!
- O fora-de-jogo milimétrico no 2.º golo do Marítimo até deixo passar, já que seria sempre difícil de marcar. Aceito que seja considerado 'em linha', só tenho 'pena' porque se fosse ao contrário, a bandeirinha seria levantada!!! Espero que não tenham sido enganados pela 'linha' da SportTV, que parou a 'linha' quando lhe convém!!! A mesma SportTV que no penalty do Derley, nunca mostrou a câmara de fora-de-jogo!!!

Em Setúbal, o Capela, conseguiu o milagre de sair da Jarra, onde acabou a época anterior, para o melhor árbitro da jornada!!! Sim, A Bola considerou o trabalho de João Capela, a melhor arbitragem da 1.ª jornada!!!
O facto de ter expulsado de forma ridícula o guarda-redes do Setúbal parece que não preocupa os funcionários do Censor Serpa... O facto do Setúbal ter marcado um golo, que não foi considerado, também não interessa... O lance na 1.ª parte, na baliza do Setúbal, também me deixa dúvidas, mas não existe maneira de tirar as medidas à posição da bola, agora o lance da 2.ª parte, o jogador dos Corruptos, tem a perna claramente dentro da baliza, quando tira a bola...
E pronto, depois do Celta, foi a vez do tradicional empurrão da 1.ª jornada. E é assim que se constroem equipas com confiança, grandes treinadores, e até jogadores banais passam a internacionais num instante!!!
Uma nota especial de agradecimento aos Setubalenses que souberam receber como merece a comitiva Corrupta:


Em Alvalade e em Paços, aparentemente nada de especial se passou, a não ser a euforia Lagarta... Parece que o Arouca foi Campeão Europeu na época anterior!!!

Anexos:
Benfica
1.ª-Marítimo(f), D(2-1), Jorge Sousa, Prejudicados, (2-2), (-1 ponto)

Sporting
1.ª-Arouca(c), V(4-1), Rui Costa, Nada a assinalar

Corruptos
1.ª-Setúbal(f), V(1-3), João Capela, Beneficiados, Impossível contabilizar

Braga
1.ª-Paços de Ferreira(f), V(0-2), Bruno Paixão, Nada a assinalar

Épocas anteriores:

Sem comentários:

Publicar um comentário

A opinião de um glorioso indefectível é sempre muito bem vinda.
Junte a sua voz à nossa. Pelo Benfica! Sempre!