Últimas indefectivações

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Vitórias

"1. Categórico (e importantíssima) vitória em Basileia, muito 'tremido' o triunfo em Aveiro, onde não gostei da nossa equipa, que deveria ter 'morto' o jogo a tempo e horas, não nos fazendo sofrer naqueles minutos finais, quando um qualquer lance fortuito poderia dar um triste empate. Mas o importante foi ter-se ganho, mantendo a liderança. Vêm aí jogos (quase) decisivos...


2. Já aqui o disse: pelo seu passado, intimamente ligado à Direcção comprovadamente corrupta de Pinto da Costa no FC Porto, Fernando Gomes, candidato a presidente da Federação, não me inspira confiança. No entanto, a composição da sua lista, nomeadamente com Hermínio Loureiro e Humberto Coelho em postos importantes, deixa-me bem mais descansado. O Benfica, tal como muitos outros clubes, já manifestou o seu apoio a esta candidatura. Mas, entretanto, surgiu uma outra, encabeçada por Carlos Marta e apoiada (nomeadamente) pela Associação do Porto (Lourenço Pinto). Estranhamente, Fernando Seara aparece como presidente da Assembleia Geral.

Lamento (mas já não me surpreende...) que um benfiquista com responsabilidades apareça a 'apadrinhar' uma lista destas. Mais grave ainda é a posição de Luís Duque, com um alto (e bem remunerado) cargo no Sporting e que apoia uma candidatura contrária aquela que o seu clube defende. Mas isso é problema deles...

E quanto ao presidente da Associação de Lisboa, sempre de braço dado com a do Porto, chegou a hora de dar lugar a outro. Li com entusiasmo a notícia de que os clubes da principal associação do País se preparam para correr com ele.


3. O Sporting tem alguma razão de queixa das arbitragens num ou outro jogo das jornadas inaugurais do Campeonato. E tem feito à conta disso uma grande campanha de vitimização, alimentada por alguns jornais. Campanha que incluiu, a dada altura, notícias de desconfiança em relação a João Ferreira, que iria arbitrar um jogo seguinte, facto que agora de tenta esquecer mas que esteve (esse sim) na origem da 'greve' dos árbitros. Curiosamente, não vi salientado o facto de a sua vitória da semana passada frente ao Vaslui ter começado a desenhar-se com um penálti contra não assinalado, com consequente agressão e expulsão de jogador adversário..."


Arons de Carvalho, in O Benfica

Sem comentários:

Publicar um comentário

A opinião de um glorioso indefectível é sempre muito bem vinda.
Junte a sua voz à nossa. Pelo Benfica! Sempre!