Últimas indefectivações

quinta-feira, 2 de agosto de 2018

Benfica já pronto? A resposta é não!

"Se a questão era sabermos se o Benfica já está pronto para começar a época, com abertura decisiva para a Champions e início do campeonato, a resposta é óbvia: Não, não está. O que coloca um problema difícil para Rui Vitória, que terá menos de uma semana para tornar a equipa menos vulnerável a adversários com dinâmicas próprias de equipas de alguma qualidade ao nível europeu.
Nesse aspecto, oportunidade de deixar visíveis males e defeitos, a derrota do Benfica, no estádio do Algarve, foi esclarecedora, o que só pode ser considerado bom, na perspectiva do seu treinador que, apesar do pouco tempo, ao menos não fica com a idade errada de que tudo está a correr bem.
Não está. O Benfica foi um conjunto perigosamente desequilibrado quando precisou de recuperar posições e travar ataques rápidos do adversário e o Benfica teve uma medíocre capacidade e qualidade de concretização, o que tornou a sua manifesta melhoria na circulação de bola um desperdício.
A propósito dessa falta de qualidade de concretização: é muito difícil entender o lado racional e eficaz de uma política de contratações que prefere claramente a quantidade em detrimento da qualidade. Muitas caras e nomes novos podem alegrar a malta pela novidade, mas não traz, necessariamente, mais valia ou, pelo menos, uma mais assinalável valia. Um exemplo: saiu Raúl Jiménez e deve sair Seferovic. Entraram Ferreyra e Castillo. Homens de área mais fixos, sim, mas é ainda muito duvidoso que o resultado final venha a ser claramente positivo. Talvez, admite-se, melhoria na baliza e, no meio, Gedson, que é um jogador tão interessante como, ainda, imaturo."

Vítor Serpa, in A Bola

4 comentários:

  1. Se fosse o Sporting estaria preparadissimo... Estou tão interessado na opinião de um lagarto como estou na cor de cuecas da Teresa Guilherme...

    ResponderEliminar
  2. Os opinadores dos sapos continuam a viver com os seus diabos é com dores nas pontas

    ResponderEliminar
  3. Este merdas também foi daqueles que duvidou das qualidades do Jonas quando chegou ao Benfica. Ai... e tal... que no Valência mal calçava... e tal... e a idade dele... e tal.
    E se fosse tomar onde o Rochemback mandou o Peseiro?

    ResponderEliminar
  4. Que saudades tenho do jornalismo sério de Homero Serpa e sua equipa. Era a bíblia do desporto.

    Jornalismo de favores e bajulamento a alguns mete-me nojo. Foi no que se tornou este jornal com Victor Serpa.

    Não é por acaso que deixei de comprar jornais faz anos.


    Miguel

    ResponderEliminar

A opinião de um glorioso indefectível é sempre muito bem vinda.
Junte a sua voz à nossa. Pelo Benfica! Sempre!