Últimas indefectivações

sábado, 15 de agosto de 2020

Venha lá mais um craque

"A comprar assim este Benfica é uma carraça para os adversários

O Benfica tem comprado a bom ritmo e com inegável qualidade. Helton Leite, Gilberto, Cebolinha, Waldschimidt e Vertonghen são aperitivo, prato e sobremesa para uma época de sonho. Parece melhor que o melhor dos sonhos. O sonho, depois destas compras, é que dia 15 de Setembro chegue rápido. Embora os adeptos queiram sempre mais (eu também), este plantel já tem muito talento e, nas mãos de Jorge Jesus, vai mesmo render o triplo. Mas, como sou adepto, venha lá mais um craque (esse mesmo em que estão a pensar) para aumentar o nosso contentamento e a preocupação noutras latitudes. A comprar assim este Benfica é um carraça para os adversários.
Este ano pode haver um factor lotaria na competição, como se viu com dois infectados no Atlético de Madrid e um no Barcelona em vésperas de jogos importantes. Um plantel ligeiramente mais longo, para atacar todos os títulos, faz, este ano, algum sentido acrescido. Porque este ano é para ganhar todos os títulos nacionais.
Por falar noutras latitudes parece óbvia que o SC Braga está a fazer as coisas muito bem e será candidato nas várias competições que vai disputar. Carlos Carvalhal é muito bom treinador, Nico Gaitán é um excelente jogador, daqueles que só estão ao alcance de equipas com ambição. Este ano ainda não sei quantos serão os candidatos ao título, mas sei que o SC Braga será um deles. Nos supostos candidatos há quem tente comprar, há quem tente vender e há quem tente existir.
Luís Castro levou os ucranianos do Shakhtar Donetsk às meias-finais da Liga Europa. Quando venceu o Benfica numa disputada eliminatória percebemos que era uma equipa de topo.
Daqui a um mês começa a competição e logo com uma terceira pré-eliminatória da Liga dos Campeões. Começa sem o Benfica fazer um jogo oficial. Dia 15 de Setembro o campeonato já devia ter uma ou duas jornadas e a Supertaça (adiada) disputada. Uma realidade que prejudica muito o Benfica e o futebol português. Jogar uma partida de €50 milhões sem um jogo oficial anterior é uma planificação de amadores. Mas temos papas e bolos e assim se enganam os tolos.
Na próxima semana, o Benfica participa na Youth League, também com os nossos jogadores a viverem a dificuldade da ausência de jogos competitivos, mas isso não diminui a ambição de uma equipa cheia de talento. Boa sorte na partida contra os simpáticos e talentosos croatas do Dínamo de Zagreb que deixaram o Bayern pelo caminho."

Sílvio Cervan, in A Bola

Sem comentários:

Publicar um comentário

A opinião de um glorioso indefectível é sempre muito bem vinda.
Junte a sua voz à nossa. Pelo Benfica! Sempre!