Últimas indefectivações

terça-feira, 12 de maio de 2015

O efeito Vieira

"O tri conquistado pelo voleibol masculino do Benfica representa mais uma parcela nas contas traçadas por Luís Filipe Vieira, quando foi reeleito no final de 2012 e onde fez questão de afirmar que neste seu mandato queria que as modalidades chegassem aos 50 títulos.
Por mais uma vez foi sublinhado o importante papel que o presidente do Benfica teve em reerguer o clube, criando as condições essenciais para as modalidades ditas amadoras terem expressão ganhadora. O projecto de Luís Filipe Vieira, que agora se conhece melhor na sua essência, está directamente ligado à filosofia que o líder do clube tem para o futebol: a formação é uma pedra basilar e a experiência é mais-valia, tem de coabitar com a juventude. A cadeia hierárquica tem de funcionar na perfeição em cada modalidade para se fazer a avaliação concreta e objectiva no final de cada temporada.
Ao princípio foram criadas as condições: dois pavilhões bastante funcionais, aptos a receberem provas internacionais. Mas a cidade desportiva do Benfica engloba ainda ginásios e um enquadramento técnico específico a cada modalidade, que proporciona todo o apoio individual. A exigência do alto rendimento nos dias de hoje e a elevada carga de treino e de jogos tem se estar bem sustentada. E foi Vieira a antecipar as falsas desculpas.
Na ideia do líder do Benfica, a meia centena de títulos é possível, para quando terminar o seu mandato pensar em algo mais exigente. A pressão é uma constante, mas o apoio de Vieira traduz-se na hora, seja em mensagens de apoio, seja ao aumentar orçamento para as competições europeias.
Das modalidades com tradições no Benfica, o voleibol conseguiu o feito inédito de concretizar o terceiro título consecutivo, que o hóquei em patins e o basquetebol já tinham alcançado. O mistério continua a ser o andebol. Sem uma justificação plausível, a modalidade tarda em encontrar o caminho do sucesso, depois de terem sido ensaiadas várias mudanças na orientação técnica. Mas o mérito também tem de ser dado ao FC Porto, que exprime resultados tão bons no andebol como o Benfica em outras modalidades."

Sem comentários:

Publicar um comentário

A opinião de um glorioso indefectível é sempre muito bem vinda.
Junte a sua voz à nossa. Pelo Benfica! Sempre!