Últimas indefectivações

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Diz-se por aí... (Campeonato)

"Diz-se por aí que este vai ser um Campeonato equilibrado entre os três grandes. Que as magras vitórias da última jornada isso mesmo demonstram. Da minha parte, mantenho o que já por várias vezes publicamente afirmei: o único verdadeiro adversário do Benfica para esta época é o FC Porto que, a manter-se neste ritmo, começará a quebrar antes da chegada do Natal.
Vejamos: o Sporting revelou uma total incapacidade de integrar Nani que - falhando um penálti - parece mais destinado a vir para Alvalade terminar a carreira do que a renová-la. Sofreu para vencer  Arouca e apenas o conseguiu num golpe mais do acaso do que do talento de Carlos Mané.
De resto, mantém-se uma inamovível dificuldade de organização de jogo e de montar um ataque consistente. Por vezes, um excesso de confiança incompreensível. Da parte do FC Porto, temos incontestavelmente uma equipa sobejamente reforçada e que apresenta - em relação aos leões - incomparável consistência.
Pode ser que me engane - Deus queira que não - mas esta equipa de Lopetegui, no entanto, não convence de todo: deposita todas as suas esperanças de concretização em Jackson Martinez e parece ser uma autêntica repetição táctica em todos os jogos oficiais e não oficiais. É por isso que, penso, começará a quebrar antes do final da primeira volta. De resto, será consensual que, no jogo com o P. Ferreira, a melhor oportunidade esteve mesmo nos pés de Sérgio Oliveira e não de qualquer elemento azul e branco. O SC Braga poderá mesmo vir a representar uma ameaça maior do que o Sporting, atento não apenas o largo investimento feito para renovar o plantel esta época (acima de 18 milhões) mas a eficácia que tem demonstrado em campo. Incontestável é, parece-me, que o Benfica tem todas as condições para renovar o título de Campeão Nacional, o que será também uma lição de táctica e técnica para os nossos adversários. E para os campeões da pré-época. Anotem e aprendam!"

André Ventura, in O Benfica

Sem comentários:

Publicar um comentário

A opinião de um glorioso indefectível é sempre muito bem vinda.
Junte a sua voz à nossa. Pelo Benfica! Sempre!