Últimas indefectivações

quarta-feira, 5 de novembro de 2014

2.º tempo demolidor

Benfica B 5 - 1 Olhanense

Primeiro tempo sem sal, merecemos ir para o intervalo a perder (0-1). Segunda parte, muito boa... atitude completamente diferente, com velocidade, com garra. A expulsão (justa) do Central do Olhanense ainda facilitou mais, mas mesmo 11 para 11, a diferença naqueles primeiros minutos foi óbvia...

O Hélder Costa fez 3 golos, mas além disso fez um grande jogo... O Rui Fonte, continua a demonstrar muita qualidade. O Gonçalo Guedes está a algo trapalhão, este vai-vem entre a equipa principal e a B, não me parece que lhe esteja a fazer muito bem!!! Mas aquele livre directo, que o Hélder marcou na recarga, merecia golo!!! O João Nunes voltou a estar em evidência no golo sofrido, desta vez teve azar, já que um corte foi transformado numa assistência!!! O Rebocho continua a demonstrar dificuldades na adaptação aos seniores... O João Teixeira fez o segundo jogo após prolongada lesão, está a recuperar o ritmo, mas no final do 1.º tempo fez um slalom incrível que merecia golo!!! Mas discordo da posição que o João Teixeira tem sido posto a jogar na equipa B (10), pois no futuro ele será ou um 8, ou um 6. O Nuno Santos entrou ao intervalo e a alteração táctica acabou por ser importante, mas eu gostaria de ver o Nuno a jogar no meio-campo: não me parece que tenha velocidade para fazer carreira como extremo ao mais alto nível, no entanto tem um grande pé esquerdo, tem boa técnica de passe médio e longo, e boa leitura de jogo colectivo...

Uma nota para este Olhanense que tem um plantel de 1.ª Liga. Fez uma grande 1.ª parte, a classificação e as goleadas sofridas penso que são explicadas pelos problemas financeiros do Clube... mas hoje, parece que tinham as contas em dia!!!

Varela; Semedo, Nunes, Valente, Rebocho; Pinto, Amorim (Santos, 45'), Teixeira; Guedes (Rochinha, 80'), Costa (Andrade, 78'); Fonte.

Sem comentários:

Publicar um comentário

A opinião de um glorioso indefectível é sempre muito bem vinda.
Junte a sua voz à nossa. Pelo Benfica! Sempre!